contato@escoladeprojetos.pro.br

5 estratégias para gerenciar oportunidades (Gerenciamento de Riscos)

Educação em Projetos ao alcance de todos

5 estratégias para gerenciar oportunidades (Gerenciamento de Riscos)

Oportunidades são riscos positivos – os riscos nos quais não perdemos muito tempo pensando porque todos assumem que o risco é ruim!

No entanto, se usarmos a definição de risco do Dr. David Hillson (conhecido como The Risk Doctor, um líder internacional em gestão de risco, com reputação global como excelente orador e autor premiado) como sendo a incerteza que importa, então alguma incerteza poderia definitivamente levar a um resultado positivo para o projeto. Essas são oportunidades, e nós as lidamos da mesma forma que lidamos com os riscos ou ameaças “negativos”.

Existem 5 estratégias para responder ao risco de oportunidade e são:

  1. Escalar
  2. Explorar
  3. Melhorar
  4. Compartilhar
  5. Aceitar

Vamos dar uma olhada em cada um deles.

1. Escalar

O escalonamento também é uma tática a ser usada para o risco de ameaça e a mesma abordagem se aplica aqui. Quando a oportunidade for maior que o projeto e ficar fora do escopo de seu trabalho, encaminhe-a para o gerente de programa ou de portfólio ou simplesmente passe para seu chefe. Não há nada que você possa fazer pessoalmente a respeito, pois a oportunidade está fora do seu nível de autoridade. Seu trabalho é garantir que as informações que você possui sejam repassadas a alguém que possa agir da melhor forma.

Você pode continuar a apoiar quem quer que colete as informações, mas você não precisa mais rastrear e gerenciar o risco.

2. Explorar

Essa estratégia é basicamente quando você força o risco a acontecer para se beneficiar de todas as coisas boas que surgem em sua direção. Você deseja aumentar a probabilidade de ocorrência para 100% porque vale a pena.

Isso pode incluir gastar dinheiro ou mudar a direção do projeto para garantir que você obtenha o resultado desejado. Por exemplo, você pode puxar recursos de outros projetos para o seu projeto para fazer o trabalho levar menos tempo, você pode atualizar alguma infraestrutura para aproveitar os avanços tecnológicos, podendo usar novas soluções e assim por diante.

3. Melhorar

A estratégia Melhorar é semelhante ao Explorar no sentido de que você deseja fazer a oportunidade acontecer, mas aqui tudo o que você está fazendo é influenciar o resultado – você não está forçando a probabilidade de mudar para 100%.

O que você tenta fazer é aumentar a probabilidade de isso acontecer ou aumentar o impacto que teria se acontecesse. Você não tem uma garantia do resultado, mas está influenciando e negociando o seu caminho para ser capaz de capitalizar essa oportunidade fabulosa.

Acho que isso é difícil de articular porque seu plano de resposta depende muito de qual é a oportunidade. Identificamos oportunidades ao longo do ciclo de vida do projeto e nem sempre as registramos como riscos. Por exemplo, se algo surgisse em uma reunião de equipe em que poderíamos potencialmente completar uma tarefa mais rapidamente se tivéssemos um par extra de mãos, decidiríamos lá e então fazê-lo e esperaríamos pelo retorno, sem necessariamente documentar formalmente o risco .

4. Compartilhar

Compartilhar é um pouco como a transferência para o risco de ameaça. É onde você divide o benefício com um terceiro, desde que ele o ajude a tentar obter a oportunidade. Por exemplo, você pode compartilhar recursos para um melhor resultado, pode criar uma joint venture ou criar uma equipe específica. Todas essas coisas podem significar compartilhar o risco e, portanto, o benefício entre várias entidades ou equipes, mas no geral podem aumentar o benefício potencial.

5. Aceitar

Por fim, a estratégia clássica de não fazer nada. Essa também é uma resposta válida e útil quando não há muito a se obter em termos de oportunidade. Você basicamente fica de fora e espera para ver se o benefício ocorre e você pode querer ter uma abordagem de contingência no caso de acontecer e você quiser agir então.

No entanto, assim como ao aceitar o risco de ameaça, certifique-se de monitorar a situação constantemente e discutir ativamente esses riscos com os proprietários dos riscos e a equipe. Você não quer estar em uma situação em que perca uma oportunidade porque o contexto ou ambiente mudou e seus planos de resposta a riscos não foram atualizados como resultado.

Qual destes você usou? Compartilhe suas melhores dicas para gerenciar riscos de oportunidade nos comentários abaixo.

Até agora, tudo o que conquistamos no processo de gerenciamento de risco é descobrir como responder ao risco, mas tudo se trata de conversa e planejamento. Nos próximos textos/podcasts a respeito, vamos discutir como implementar respostas aos riscos e certificar-se de que o trabalho para lidar com os riscos seja realmente executado.

************************************************************************************************************

Este foi mais um artigo trazido até você pela EscoladeProjetos.pro.br! Conheça nosso curso de Fundamentos e Práticas em Gestão de Projetos, que reúne o que há de mais atual na aplicação básica dos conceitos de gestão de projetos, ideal para formação de times em qualquer área! Acesse https://hotm.art/cursoEDP e utilize o cupom de desconto BLOG30 para receber 30% de desconto em sua matrícula!

 

Comentários: 1

  1. […] 5 estratégias para gerenciar oportunidades (Gerenciamento de Riscos) […]

Deixe uma resposta para Como implementar respostas a riscos (Gerenciamento de Riscos) – Escola de Projetos Cancelar resposta

%d blogueiros gostam disto: